biometrixA uretrite é uma inflamação da uretra que pode ser causada por diversos patógenos, porém as infecções mais comuns estão relacionadas às doenças sexualmente transmissíveis e são um grande desafio para a saúde pública. Recentemente, a terminologia Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) passou a ser substituída por Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST), pois caracteriza a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas.

A maior dificuldade para o diagnóstico assertivo está na identificação correta do agente causador, pois os sintomas se manifestam de maneiras semelhantes ou apresentam-se de forma assintomática, aumentando os riscos de transmissão e até mesmo de complicações para a saúde.

As uretrites infecciosas que tem origem sexualmente transmissível são classificadas em gonocócicas (UG), causada pela Neisseria gonorrhoeae e não gonocócicas (UNG), causadas por diferentes patógenos como Chlamydia trachomatis, Trichomonas vaginalis, Ureaplasma urealyticum, Ureaplasma parvum e Mycoplasma hominis/genitalium. As UNG apresentam os mesmos sintomas, por isso são reunidas em um mesmo grupo, ou não apresentam quaisquer sintomas passando despercebido, principalmente nas mulheres. Porém, as consequências podem levar desde a infertilidade, em ambos os sexos, até a transmissão para o recém-nascido, causando infecções oculares e pneumonia.

Confira os principais agentes infecciosos relacionados à uretrite e suas possíveis complicações:

biometrix2

Diagnóstico preciso

Testes de Biologia Molecular baseados na tecnologia de PCR em Tempo Real são capazes de detectar os diferentes patógenos causadores da uretrite garantindo um diagnóstico preciso para a terapêutica adequada do paciente em cada caso. Proporciona inúmeras vantagens, principalmente se comparada aos métodos convencionais, pois possui alta sensibilidade, especificidade e permite a identificação do alvo pesquisado em pouco tempo.

A técnica PCR (Polymerase Chain Reaction – Reação em Cadeia da Polimerase) consiste basicamente na amplificação in vitro, usada para aumentar o número de cópias de uma região de DNA a fim de produzir DNA suficiente para análise adequada. A PCR em Tempo Real permite que a amplificação e detecção do patógeno ocorram simultaneamente e o resultado é visualizado em tempo real, gerando resultados sensíveis e com precisão.

Os testes da XGEN utilizam a tecnologia de PCR em Tempo Real na detecção de patógenos causadores de infecções sexualmente transmissíveis relacionas à uretrite. Além de fornecer resultados rápidos e precisos em menos de duas horas e meia, são capazes de detectar em uma única reação até sete patógenos diferentes utilizando amostras de urina, swab retal ou genital. Em uma única coleta, com apenas uma amostra é possível realizar os testes para Chlamydia trachomatis, Neisseria gonorrhoeae, Mycoplasma genitalium, Trichomonas vaginalis, Mycoplasma hominis, Ureaplasma urealyticum e Ureaplasma parvum simultaneamente, ganhando tempo e agilidade para os resultados.

 

Kit XGEN Multiplex Uretrite

O kit XGEN Multiplex Uretrite PLUS e kit XGEN Multiplex Uretrite Básica são testes in vitro para a detecção qualitativa de ácido nucleico de patógenos causadores de infecções sexualmente transmissíveis em amostras clínicas.

biometrix3

XGEN – Diagnóstico Molecular por PCR em Tempo Real
Comercializado por Biometrix Diagnóstica
0800 726 0504
(41) 2108-5250
[email protected]

 

Referências:

Ministério da Saúde – Departamento de IST, Aids e Hepatites Virais.

Madigan MT, Martinko JM, Bender KS, Buckley DH, Stahl DA. Microbiologia de Brock, 14th edição. ArtMed.

Tags:

Infecções Sexualmente Transmissíveis, PCR em tempo real, uretrite

Compartilhe: