Os produtos químicos ou farmacêuticos devem passar por testes de aplicação rigorosos antes de entrarem no processo produtivo

Quaisquer compostos químicos ou ingredientes farmacêuticos, como os medicamentos que conhecemos, os produtos químicos finos e especiais ou os cosméticos e as fragrâncias, passam por processos de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) complexos e demorados, além de testes de aplicação rigorosos antes de serem produzidos em larga escala e lançados no mercado.

Vamos explorar as etapas do processo mais relevantes para a pesquisa de químicos e farmacêuticos.

Descoberta

Existem várias etapas comuns durante a descoberta de novos fármacos ou compostos químicos. Ingredientes ou produtos químicos de interesse são extraídos de fontes naturais ou sintetizados em laboratório. Quaisquer alvos de interesse são processados posteriormente para atingir um único composto de alta pureza, cujas características e funções desejáveis são testadas exaustivamente.

Desenvolvimento

Depois de identificado um princípio ativo (IFA) ou produto químico de interesse, o desenvolvimento do processo produtivo pode começar. Aqui, o processo é otimizado em maior escala para garantir um processo produtivo que não seja problemático. A formulação de medicamentos é o processo de concepção e produção de medicamentos para os pacientes. Antes de serem incorporados em uma formulação final, os ingredientes precisam ser pré-formulados na forma líquida ou sólida para facilitar o armazenamento.

Ensaios

Os produtos químicos ou farmacêuticos devem passar por testes de aplicação rigorosos antes de entrarem no processo produtivo. Normalmente, a estabilidade química e a integridade física do produto final são testadas sob condições específicas de armazenamento, transporte e uso. Os ensaios clínicos podem levar vários anos para serem concluídos e envolvem a avaliação da mistura do medicamento com estudos em animais, in vitro e in vivo. Se o medicamento for comprovadamente seguro e eficiente, a terapêutica poderá passar para a fase de pesquisa clínica.

Produção

A inspeção de produtos recebidos e o controle de qualidade final garantem a qualidade desejada de qualquer produto químico ou farmacêutico. Além disso, o controle de qualidade durante a produção de produtos químicos e medicamentos ajuda a analisar a identidade, a pureza e o conteúdo do material a granel, os intermediários, as impurezas e os produtos de degradação. O monitoramento rigoroso do processo permite uma operação segura e garante que o produto atenda às especificações exigidas.

Clique aqui e fique pode dentro das soluções Buchi que aprimoram a automação e a rotina do laboratório de P&D, Controle de Qualidade e de Processo.

Tags:

Buchi, pesquisa de químicos e farmacêuticos

Compartilhe: