ETEST bioMérieux consiste em fitas reagentes que podem, a partir de 16 horas, apontar a susceptibilidade a antibióticos e agentes antifúngicos

Com o ETEST é possível certificar-se de que o paciente receba o antimicrobiano certo, na dose certa, no momento certo

A resistência a antimicrobianos é uma grave ameaça global, devido à falta de novos antibióticos em desenvolvimento. Além disso, infecções causadas por patógenos resistentes a múltiplos medicamentos se tornaram intratáveis. Por tudo isso, torna-se urgente munir os profissionais de saúde de ferramentas de diagnóstico mais eficazes e cujos resultados rápidos ajudem a enfrentar este desafio todos os dias, o que valoriza o papel dos laboratórios de microbiologia na identificação rápida e confiável dos agentes patogênicos e nos testes de sensibilidade aos antibióticos.

Segundo pesquisas internacionais, 50% dos antimicrobianos ministrados em hospitais são feitos de maneira inapropriada ou desnecessária; 30% de todos os pacientes hospitalizados recebem antibióticos em algum momento; o uso de antimicrobianos corresponde a aproximadamente 30% dos custos das farmácias hospitalares; seria possível economizar de 10% a 30% dos custos farmacêuticos com programas de uso racional de antimicrobianos nos hospitais.

Diante desse cenário, a bioMérieux, líder mundial em diagnóstico in vitro, disponibiliza no Brasil a tecnologia ETEST, sistema que consiste em fitas reagentes que monitoram de forma confiável e em apenas 16 horas a susceptibilidade do paciente a antibióticos e agentes antifúngicos.

O ETEST ajuda a garantir o tratamento ideal e o acompanhamento com antimicrobianos para melhorar o resultado do paciente e reduzir o risco de desenvolvimento de bactérias resistentes aos medicamentos.

O ETEST permite detectar e confirmar fenótipos resistentes, por meio de fitas reagentes fáceis de usar. O sistema identifica microrganismos resistentes, as tendências da resistência, e entre bactérias com padrões de resistência clinicamente relevantes emergentes, e determina a Concentração Inibitória Mínima (CIM) precisa.

Com o ETEST é possível certificar-se de que o paciente receba o antimicrobiano certo, na dose certa, no momento certo.

Clique aqui e saiba mais sobre o ETEST.

Tags:

bioMérieux, ETEST, resistência a antimicrobianos

Compartilhe: