Espaço oferecerá suporte desde a produção pré-clínica até a produção em larga escala e desenvolvimento de metodologias analíticas

O laboratório colaborativo possui 1.000 metros

A Merck, empresa líder em ciência e tecnologia, inaugurou oficialmente seu M Lab Collaboration Center no Brasil, localizado em Alphaville, São Paulo, e servindo como hub para a América Latina como um todo. No complexo de laboratórios, os clientes de Life Science são convidados a colaborar e explorar na prática, ao lado de cientistas e especialistas da Merck, problemas desafiadores na aceleração dos processos de desenvolvimento e produção de novas terapias.

“Com a indústria biofarmacêutica em rápido crescimento no Brasil e América Latina e a alta demanda por terapias inovadoras em todo o mundo, existe uma necessidade por suporte no desenvolvimento de processos de ponta a ponta”, diz Udit Batra, membro do Conselho Executivo da Merck e CEO da Life Science, divisão que agrega um portfólio de 300 mil produtos. “Em nosso M Lab Collaboration Center nossos clientes se beneficiarão do profundo conhecimento técnico da Merck para desenvolver processos de pesquisa e fabricação de medicamentos de forma mais rápida, segura e mais efetiva do que no passado.”

Laboratório de espectroscopia e cromatografia com foco em análise de controle de qualidade e pesquisa e desenvolvimento

Com uma área de laboratório de 1.000 metros, onde também se encontram salas de treinamento, auditório e salas de reunião, o espaço permite rodar projetos pilotos para os clientes receberem suporte no desenvolvimento de processos, solução de problemas, demonstrações e treinamento prático. Sendo um dos nove M Labs no mundo, o centro permitirá aos clientes e parceiros como companhias farmacêuticas, governos, mundo acadêmico, órgãos reguladores e associações do setor explorar novas formas de aumentar a produtividade, melhorar processos e mitigar riscos.

A cada ano, mais de 1.500 clientes visitam os M Lab Collaboration Centers da Merck, onde trabalham em parceria com o time de experts da empresa e têm acesso a ferramentas e métodos de dimensionamento e simulação, além de suporte analítico. O centro disponibilizará, ainda, capacitação para profissionais com cursos direcionados a área de Biotecnologia Farmacêutica, o que inclui treinamentos ministrados em sala de aula complementando com sessões práticas e interativas. Os outros M Lab estão localizados na China, Cingapura, Japão, Coréia do Sul, Índia, França e Estados Unidos.

A Merck abriu seu primeiro laboratório voltado para o cliente em 1995, em Massachusetts, EUA. A rede global de laboratórios cresceu desde então continuamente ao longo dos anos, não apenas para atender as necessidades de treinamento e desenvolvimento de processos dos clientes localmente, mas também permitindo a transferência de tecnologia entre países. Em 2015, a Merck começou a recriar estes laboratórios com o conceito dos M Lab Collaboration Centers, focados nos clientes.

Clique aqui ou na imagem abaixo para assistir ao vídeo institucional do M Lab

Tags:

life science, M Lab™ Collaboration Center, Merck

Compartilhe: