O imunoensaio é quantitativo e qualitativo para as duas classes de anticorpos

A leptospirose é uma zoonose que é transmitida através da urina de animais contaminados com a bactéria Leptospira spp, sendo os roedores os principais hospedeiros dessa bactéria. Esta doença é um grave problema de saúde pública, principalmente nos períodos de grandes chuvas e enchentes, devido a estar associada à aglomeração populacional, às condições inadequadas de saneamento e à alta infestação de roedores infectados.

Em casos de suspeita clínica o diagnóstico deve ser confirmado por testes laboratoriais, como os kits Serion Elisa classic Leptospira IgM e IgG que serão o suporte para os laboratórios no diagnóstico desta doença. O ensaio IgM é indicado para a detecção de leptospirose aguda, enquanto o IgG deve ser usado em conjunto com o IgM para fornecer um quadro imunológico completo.

Destaques dos produtos Serion Elisa classic Leptospira IgG e IgM:

– Uso de antígenos gênero-específico para demonstração de anticorpos contra todas as Leptospira spp;

– Sem reação cruzada com anticorpos contra Borrelia burgdorferi, Treponema pallidum, EBV e fatores reumatoides;

– Detecção IgM sensível para a demonstração de infecções primárias agudas;

– Imunoensaio quantitativo e qualitativo para as duas classes de anticorpos;

– Curva de calibração pronta de fábrica;

– Tempos de incubação iguais para todos os testes Serion Elisa classic, que permite a combinação dos diferentes testes em uma mesma placa;

– Microplacas com tiras quebráveis e com identificação do patógeno e da classe de imunoglobulina impressas nas tiras;

– Todos os componentes prontos para uso e com códigos de barras, otimizados para automação.

Tags:

bactéria Leptospira spp, leptospirose, Serion Elisa classic Leptospira IgM e IgG

Compartilhe: