A albumina é uma proteína sintetizada pelas células hepáticas presentes em grande número no plasma. Devido ao seu alto peso molecular, as albuminas não podem atravessar a membrana basal do glomérulo renal em circunstâncias normais. Quando isso acontece, as albuminas são imediatamente reabsorvidas pelos túbulos renais, o que faz com que estas moléculas sejam encontradas em concentrações extremamente baixas na urina.

Contudo, lesões na membrana basal podem alterar essa permeabilidade glomerular, fazendo com que a albumina esteja presente em maiores quantidades na urina. Esta elevação anormal persistente da albumina urinária não detectável nos testes de proteinúria total, é chamada de microalbuminúria.

Por isso, a microlbuminúria é reconhecida como um marcador de lesão renal e nos últimos anos tem sido intimamente associada disfunção endotelial sistêmica e doença vascular. Trata-se de uma valiosa ferramenta para determinação de riscos cardiovasculares, bem como a morbi-mortalidade deste eventos.

O Imuno-Rápido Quanti Microalbuminúria da Wama Diagnóstica é um teste imunocromatográfico que utiliza anticorpos monoclonais marcados com látex fluorescente para quantificação de albumina em urina humana.

Imuno-Rápido Quanti:

– β-hCG (Lançamento)
– NT-proBNP (Lançamento)
– Dímero D
– Hemoglobina Glicada
– Microalbuminúria
– PCR Ultrassensível
– Procalcitonina
– Troponina I

– Apresentações: 10, 20, 25, 30, 40, 50 e 80 testes.
– Registros no Ministério da Saúde – MS.
– Assessoria técnica e científica para todo o Brasil.

Breve:

– CK-MB
– T3
– T4
– TSH
– tPSA
– Vitamina D

Mais informações:
Tel.: (16) 3377-9977
SAC: 0800 772 9977
[email protected]

Tags:

albumina, microalbuminúria, Wama Diagnóstica

Compartilhe: