Companhia leva prêmio ouro na categoria Gestão de Pessoas – Administração

Com o troféu em mãos, Adriana Oliveira – Gerente Corporativa de Educação, Priscilla Neves – Gerente Corporativa de Consultoria Interna e Rubia Spindola – Gerente Executiva de Desenvolvimento Humano e Organizacional Foto: Filipe Rhodes

A Associação Brasileira de Recursos Humanos acaba de conferir ao Grupo Pardini, o 1º lugar na 18ª edição do Prêmio Ser Humano, em solenidade oficial na noite de 9 de dezembro. Neste ano, a companhia concorreu à premiação nacional com o Programa Trilha de Carreira: Impacto e Percepção de Mobilidade, projeto que destaca a parceria do RH na construção da Carreira no Grupo Hermes Pardini.

Este trabalho é pioneiro no mercado de saúde e referenda o modelo de gestão, comunicação, transparência e atendimento personalizado ao colaborador da empresa. “Este prêmio é fruto do nosso comprometimento e dedicação com o desenvolvimento e a valorização dos colaboradores. Estamos orgulhosos pelo reconhecimento do nosso trabalho e do programa criativo e inovador que criamos”, disse a Gerente Executiva de Desenvolvimento Humano e Organizacional do Grupo Pardini, Rubia Spindola.

Foram mais de 20 iniciativas inscritas nas categorias Administração, Desenvolvimento e Sustentabilidade e um número recorde de trabalhos inscritos (foram quase 50 projetos) na edição 2019 do Prêmio. Uma comissão avaliadora formada por profissionais de renome no mercado julgou os trabalhos a partir de critérios de avaliação estabelecidos pela ABRH-Brasil e a apuração dos resultados foi auditada pela Moore Stephens. No ano passado, o mesmo projeto venceu o prêmio mineiro, conferido pela Associação Brasileira de Recursos Humanos – Seção Minas Gerais (ABRH-MG). Para o prêmio nacional, só poderiam concorrer os vencedores em cada estado.

Sobre o Projeto

O setor de Desenvolvimento Humano e Organizacional, em conjunto com líderes e colaboradores, mapeou os principais celeiros de talentos, analisou as diferentes diretorias e criou um simulador com uma metodologia clara, que mostra as regras objetivas sobre as possibilidades coerentes com o seu autodesenvolvimento e se preparar proativamente quando as oportunidades surgirem. Considera-se que os resultados foram atingidos para os objetivos esperados: Apresentar de forma clara e simples as possibilidades de carreira, reduzindo custos com contratação e influenciar no clima, com impacto em redução de turnover.

Iniciado em 2015 e implementado em 09/2016, o programa considerou pensamentos de que a administração de carreiras se torna um instrumento para moderar as expectativas sobre a ascensão numa empresa.

Hoje, o DHO acompanha e propõe melhorias a cada ciclo anual e o que garante a sustentabilidade do projeto é o acompanhamento, envolvendo a análise técnica da área de remuneração, a comunicação contínua, com reativação anual e atendimento às pessoas, via business partners, além do desenho de programas de desenvolvimento pela educação corporativa, coerente com as possibilidades mapeadas no Programa de Trilhas de Carreira. Tudo isso se torna um ciclo para verificação de indicadores, definição de cronograma de ações e revisões para evolução do modelo, somando a escuta às necessidades das pessoas, convergindo com as necessidades da empresa. Ao longo do projeto, desde a criação do “sentido”, por meio de uma comunicação simples e transparente, destaca-se o impacto na retenção e nos indicadores de gestão de pessoas, agregando ao clima e aos resultados do Grupo.

Tags:

Grupo Pardini, Prêmio Ser Humano

Compartilhe: