O FreeStyle Libre é um sistema que elimina a necessidade das rotineiras picadas nos dedos

No mês do Dia Mundial de Combate ao Diabetes, a Abbott, empresa global de cuidados para saúde, compartilhar uma novidade.

O FreeStyle Libre, sistema que elimina a necessidade das rotineiras picadas nos dedos1 e vem mudando a forma como as pessoas gerenciam o seu diabetes, foi reconhecido como a Melhor Tecnologia Médica pelo Prix Galien USA 2019, considerado o prêmio Nobel na área de pesquisa biofarmacêutica.

“Estamos muito honrados com esse reconhecimento. FreeStyle Libre segue o nosso propósito de inovar cada vez mais no tratamento do diabetes, possibilitando mais praticidade e informação para que as pessoas tenham uma vida mais plena e saudável. Ao livrar as pessoas com diabetes das rotineiras picadas e fornecer as informações de que precisam para agir por si mesmas, estamos empoderando essas pessoas e oferecendo mais qualidade de vida”, afirma Sandro Rodrigues, Gerente Geral da Divisão de Cuidados para Diabetes da Abbott no Brasil.

O FreeStyle Libre é utilizado por 1,5 milhão de pessoas

FreeStyle Libre está disponível em 46 países ao redor do mundo e é utilizado por 1,5 milhão de pessoas.2 Entre os usuários brasileiros, a média de monitoramento com a tecnologia é de 14 vezes ao dia, o que significa três vezes mais do que o mínimo recomendado pelas diretrizes brasileiras para os testes tradicionais, que precisam da picada de dedo3-6. O sistema está disponível para adultos e crianças a partir de quatro anos de idade7.

Referências:

1. Há três circunstâncias nas quais o teste de ponta de dedo é necessário: a) Durante períodos de rápida alteração nos níveis da glicose (a glicose do fluido intersticial pode não refletir com precisão o nível da glicose no sangue); b) Para confirmar uma hipoglicemia ou uma iminente hipoglicemia registrada pelo sensor; c) Quando os sintomas não corresponderem às leituras do sistema flash de monitoramento da glicose.

2. Data on file, Abbott Diabetes Care.

3. Dados baseados no número de usuários em todo o mundo para o Monitoramento Contínuo da Glicose (MCG) pessoal do FreeStyle Libre em comparação com o número de usuários de outras marcas de MCG pessoal.

4. A seta de tendência de glicose nem sempre aparece com sua leitura.

5. O leitor armazena até 90 dias de dados de glicose para que os pacientes possam visualizar seus padrões e tendências históricas.

6. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes (2015-2016) / Adolfo Milech…[et. al.]; organização José Egidio Paulo de Oliveira, SérgioVencio – São Paulo: A.C. Farmacêutica, 2016; 26-27.

7. Um cuidador de pelo menos 18 anos é responsável por supervisionar, administrar e ajudar a criança ou adolescente de 4 a 17 anos a usar o sistema FreeStyle Libre e a interpretar suas leituras. FS Libre Leitor – RMS Anvisa: 80146501903 / FS Libre Sensor – RMS Anvisa: 80146502021. Aprovação Anatel 4072-14-9992. FS LibreLink – RMS Anvisa: 80146502168.

Tags:

Abbott, FreeStyle Libre, Melhor Tecnologia Médica pelo Prix Galien USA 2019

Compartilhe: