Iniciativa ajuda médicos a determinarem qual o melhor tratamento para cada tipo de paciente

A análise é realizada a partir de uma pequena amostra do material

Pacientes com diagnóstico de câncer gástrico acabam de ganhar um aliado no combate à doença: o Programa PD-Point 3.0.

Por meio do programa, médicos oncologistas ou patologistas conseguem solicitar, gratuitamente, um teste molecular para avaliar a expressão de PD-L1 em adenocarcinomas gástricos ou da junção gastroesofágica.

O teste é feito pela metodologia CPS (combined positive score), PPC em português, pontuação positiva combinada, que leva em conta tanto células tumorais quanto células imunes (linfócitos e macrófagos) – diferente da metodologia utilizada para câncer de pulmão do tipo células não pequenas, (CPCNP), o TPS (tumor proportional score), PPT em português, pontuação de proporção de tumor. O resultado é rápido e fica pronto em apenas três dias, auxiliando o médico a oferecer a melhor opção de tratamento  para seus pacientes.

O PD-Point é baseado no conceito de diagnóstico de precisão, que busca determinar a melhor terapia, de forma individual, para cada paciente.  Esse é o princípio das mais modernas abordagens no tratamento oncológico, que busca, cada vez mais, oferecer tratamento personalizado aos portadores da doença.

“É sabido que um mesmo tipo de câncer apresenta características próprias em diferentes pacientes, portanto, uma abordagem individualizada é imprescindível para tratarmos a doença  corretamente e aumentarmos a chance de sucesso no tratamento”, explica a Dra. Márcia Datz Abadi, Diretora Médica de Oncologia da MSD Brasil.

O procedimento é simples e está disponível em todo o Brasil. Para não causar desconforto para o paciente, a análise é realizada a partir de uma pequena amostra do material. Basta o médico, oncologista ou patologista, acessar o site e solicitar coleta da amostra para um dos laboratórios parceiros. O processo é feito online e todas as etapas podem ser acompanhadas pelo solicitante, desde a retirada do material até o recebimento dos resultados.

Tags:

câncer gástrico, combined positive score, Programa PD-Point 3.0, teste molecular

Compartilhe: