Sistema é atestado em todos processos de auditoria e certificação

Atualmente, os laboratórios clínicos procuram sistema de informação laboratorial (LIS) que, além de proporcionar agilidade e segurança em seus fluxos, também garanta um alto nível de rastreabilidade das amostras. Isso porque, em processos de acreditação e certificação, o Sistema de Gestão de Qualidade (SGQ) do laboratório deve garantir toda a segurança do paciente e do seu material biológico, através de processos e registros das datas, horários, locais e responsáveis, desde o cadastro do paciente até o armazenamento e o descarte das amostras.

O Motion LIS, distribuído pela Inovapar Soluções e desenvolvido pela Touch Health, faz esse registro completo de cada etapa e garante que todo o processo esteja rastreado e auditável. Por isso, o controle de qualidade e a rastreabilidade do Motion LIS já foram atestados em auditorias e contribuíram para que diversos clientes que utilizam a plataforma fossem aprovados em seus processos de certificação laboratorial, como da ONA – Organização Nacional de Acreditação, ISO, PALC (Programa de Acreditação de Laboratórios Clínicos) da SBPC, CAP (College of American Pathologists), PNCQ – Programa Nacional de Controle de Qualidade da SBAC, entre outros.

A solução garante a total rastreabilidade, inclusive, de todas as informações que geram o laudo do exame, incluindo o laudo e o responsável por sua liberação, registrando e versionando todas as alterações, sendo que nenhuma informação é apagada ou sobrescrita. Dessa forma, é possível auditar com agilidade ocorrências como o questionamento sobre a retificação ou veracidade do conteúdo de um laudo laboratorial.

A plataforma é aderente às normas internacionais de segurança de informações médicas (inclusive à norma 21 CFR Part 11 do FDA) e está em conformidade com a RDC 302/2005, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que dispõe sobre o Regulamento Técnico para funcionamento de laboratórios clínicos e exige que o laboratório mantenha o registro e a rastreabilidade de todos os seus processos.

O Motion LIS também está preparado para certificar digitalmente os laudos laboratoriais, conforme a RDC 30/2015 da Anvisa. Os médicos podem certificar os laudos no sistema utilizando o dispositivo, que pode ser um PIN ou um token, do e-CPF (CPF com assinatura digital, sob a ICP-Brasil) conectado a estação de trabalho ou validando o número de forma automática, através da integração do sistema com o servidor da Autoridade Certificadora contratada pela instituição. Essa autenticação pode ser feita médico a médico ou em lote. Após a liberação, o laudo certificado pode ser publicado imediatamente na internet.

A atuação do sistema LIS em conjunto com o Sistema de Qualidade é tema do 50º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica da SBPC/ML, realizado nos dias 27 a 29 de setembro no Rio de Janeiro.

Tags:

Motion LIS, Sistema de Gestão de Qualidade, Sistema de Informação Laboratorial

Compartilhe: