gato_fdp

Os bolsistas de Pós-Doutorado realizarão investigação, desenvolvimento e validação de técnicas parasitológicas adequadas ao diagnóstico automatizado de parasitos gastrintestinais em felinos domésticos (gatos) e caninos (cães).

O Instituto de Computação (IC) da Universidade Estadual de Campinas oferece uma oportunidade de Pós-Doutorado e uma de Treinamento Técnico (TT-3) em Parasitologia Diagnóstica com Bolsa da FAPESP. Os prazos de inscrições encerram em 20 de abril.

A bolsa de Pós-Doutorado e a bolsa de Treinamento Técnico estão vinculadas ao Projeto Temático “AnImaLS – Anotação de Imagem em Larga Escala: O que máquinas e especialistas podem aprender interagindo?”, que tem Alexandre Xavier Falcão como pesquisador principal.

Além de pesquisadores da Unicamp, o projeto conta com colaboradores da Universidade de São Paulo (USP), das universidades da Pensilvânia e de West Virginia, nos Estados Unidos, da Universidade de Groningen, na Holanda, e Universidade de Jadavpur, na Índia.

Os objetivos do projeto são a compreensão e o aperfeiçoamento do processo de aprendizagem de máquina por meio da interação com especialistas, para a construção de sistemas explicáveis de tomada de decisão e de apoio à decisão com base na anotação de imagem.

Os bolsistas de Pós-Doutorado realizarão investigação, desenvolvimento e validação de técnicas parasitológicas adequadas ao diagnóstico automatizado de parasitos gastrintestinais em felinos domésticos (gatos) e caninos (cães).

O sistema de diagnóstico baseia-se na aquisição e análise automatizadas de imagens, mas requer lâminas de microscopia ricas em parasitos e o mais livre possível de impurezas fecais. Isso impõe um desafio ao desenvolvimento de novas técnicas parasitológicas.

Os selecionados irão trabalhar na Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Araçatuba, em cooperação com o Laboratório de Ciência de Dados de Imagem e com o Instituto de Computação da Unicamp, em Campinas.

É desejável que os candidatos demonstrem domínio de conhecimento em Parasitologia Diagnóstica.

Os interessados devem enviar e-mail com carta de motivação para a aplicação; carta de recomendação de um supervisor anterior; curriculum vitae com lista de publicações, educação e experiência; cópia do(s) diploma(s), para Alexandre Xavier Falcão no endereço [email protected].

A oportunidade está publicada em http://www.fapesp.br/oportunidades/1489/.

Os selecionados receberão bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 6.819,30 mensais e Reserva Técnica. A Reserva Técnica da bolsa de PD equivale a 15% do valor anual da bolsa e tem o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso os bolsistas residam em domicílio diferente e precisem se mudar para a cidade onde se localiza a instituição-sede da pesquisa, poderão ter direito a um Auxílio-Instalação.

A Bolsa de Treinamento Técnico (TT-3) irá auxiliar a pesquisa, o desenvolvimento e a validação de técnicas parasitológicas adequadas para a análise automatizada de imagem de Cryptosporidium spp.

O desafio é obter lâminas de microscopia ricas em parasitos e tão livres quanto possível de impurezas fecais. O candidato irá trabalhar em colaboração com alunos de pós-graduação da Ciência da Computação, cujos trabalhos envolvem processamento e análise de imagem de parasitos.

O bolsista selecionado irá trabalhar na Faculdade de Medicina Veterinária da Unesp, em Araçatuba, em cooperação com o Laboratório de Ciência de Dados de Imagem e o Instituto de Computação da Unicamp.

É desejável que o candidato demonstre domínio de conhecimento em Parasitologia.

Os interessados devem enviar e-mail com carta de motivação para a aplicação; carta de recomendação de um supervisor anterior; curriculum vitae com lista de publicações, educação e experiência; e cópia do(s) diploma(s), para Alexandre Xavier Falcão no endereço [email protected]. Com informações da Fapesp

Tags:

Bolsa de Treinamento Técnico, Parasitologia Diagnóstica

Compartilhe: