pele_fdp

A XXIV Jornada de Patologia acontecerá no Auditório Senador José Ermírio de Moraes, no A.C.Camargo

O A.C.Camargo Cancer Center, por meio do Escola de Patologia Oncológica Avançada Humberto Torloni (EPOAHT) do Departamento de Anatomia Patológica, realiza de 8 a 10 de junho a XXIV Jornada de Patologia – Câncer de Pele, que abordará as novidades em estadiamento, classificação, diagnóstico diferenciado, marcadores diagnósticos, prognósticos e terapêuticos, investigação de linfonodos sentinela referentes a melanoma, lesões neurogênicas, linfomas e pseudolinfomas cutâneos, limfoproliferações, micose fungóide, lesões melanocitícas, dentre outros. A programação completa está disponível aqui.

Além de especialistas brasileiros, o evento receberá alguns dos maiores expoentes do mundo em dermatopatologia, dentre eles o diretor do Departamento de Patologia do MD Anderson Cancer Center, Victor Prieto. Com ampla expertise, Prieto participou de inúmeros projetos de melanoma e investigou marcadores de expressão de como receptores retinóides, galectina-3, tirosina quinase e outros marcadores moleculares relacionados com melanoma primário e metastático.  Em três aulas, Victor Prieto falará sobre os espectros morfológicos das lesões anexiais cutâneas; novas abordagens em linfonodo sentinela em melanoma e sobre as lesões melanocíticas peculiares associadas a novas mutações descritas como BAP1 e ALK.

O brasileiro da Yale University, Antônio Subtil de Oliveira Junior, que têm linhas de pesquisa em desordens linfoproliferativas, alopecia, doenças infecciosas e neoplasmas melanocíticos atípicos trará uma abordagem sobre o diagnóstico de linfomas cutâneos e pseudolinfomas; lesões inflamatórias da pele que simulam linfoma e também sobre lesões cutâneas linfoproliferativas T/NK, T-citotóxicas e T gamma-delta.

O professor associado da Northwestern University Feinberg School of Medicine, Joan Guitart, tem como linhas de atuação os linfomas cutâneos de células T, detecção precoce e prevenção de câncer de pele e trará para a Jornada uma atualização sobre linfoproliferações CD30 positivas da pele e sobre características não usuais e diagnósticos diferenciais de micose fungóide.

Destaque também para o Professor do Departamento de Patologia do MD Anderson, Michael Tetzlaff, com estudos voltados para identificação de marcadores moleculares para melanoma, neoplasmas, carcinomas de células escamosas, dentre outras. Tetzlaff trará a sua visão acerca do diagnóstico, parâmetros prognósticos e linfonodo sentinela em carcinomas de células Merkell; achados histopatológicos do GVD cutâneo e diagnósticos diferenciais e também sobre as ferramentas moleculares para a rotina diagnóstica de lesões melanocíticas difíceis.

O patologista especializado em sarcomas e tumores de partes moles, Alexander Joseph Faulkner Lazar, do MD Anderson, instituição na qual dirige o Banco de Tumores de Tecidos Moles e o Programa de Diagnóstico Clínico, falará sobre imunoistoquímica, diagnóstico molecular e associação com síndromes de predisposição ao câncer no diagnóstico das lesões anexiais cutâneas e também acerca da classificação genômica do melanoma cutâneo.

A patologista Louise Jackett, do Departamento de Patologia e Diagnóstico Oncológico do Royal Prince Alfred Hospital, da Austrália, tem sua atuação focada em melanoma, sendo integrante do Melanoma Institute Austrália. Ela abordará o estadiamento TNM e fatores prognósticos do melanoma e trará uma atualização em estadiamento e diagnóstico diferencial do melanoma desmoplásico.

Atuante em linhas de pesquisa em diagnóstico, prognóstico, genética e tratamento do melanoma, David Eric Elder, da University of Pennsylvania, trará aulas sobre lesões Spitzóides; terminologia e casos difíceis em lesões melanocitícas e sobre proliferação melanocítica lentiginosa.

A XXIV Jornada de Patologia acontecerá no Auditório Senador José Ermírio de Moraes, no A.C.Camargo.

Tags:

A.C.Camargo Cancer Center, XXIV Jornada de Patologia – Câncer de Pele

Compartilhe: