Os norovírus (NoV) são um grupo de mais de 40 vírus extremamente heterogêneos. São divididos em 5 genogrupos distinguíveis (GI – GV). Somente os genogrupos I e II são conhecidos por infectar os seres humanos.

Os NoV foram os primeiros agentes virais ligados à doença gastrointestinal, reconhecidos como principal causa de surtos de gastroenterite não bacteriana e causa importante de gastroenterite em crianças e adultos.

A gastroenterite é comumente manifestada por náusea, dor abdominal, vômito, diarreia branda, autolimitada e não sanguinolenta. Porém, alguns pacientes podem apresentar formas graves, com sintomas ligados a náuseas e vômitos seguidos de diarreia abundante, que pode acarretar em desidratação e a morte.

NoV infecta quase 700 milhões pessoas e mata cerca de 219.000 por ano em todo o mundo, gerando gastos de saúde no valor de US$ 4,2 bilhões e prejuízos sociais e econômicos de cerca de US$ 60,3 bilhões.

Os NoV são de transmissão alimentar, ou transmissão pessoa a pessoa via fecal-oral. São altamente contagiosos, podendo ocorrer em casos esporádicos ou em grandes surtos de diarreia aguda em enfermarias, hospitais, escolas, universidades, acampamentos, cruzeiros, hotéis e restaurantes.

O aumento da importância epidemiológica deste vírus tem sido demonstrado pelo estabelecimento de redes laboratoriais de vigilância em diversos continentes.

O diagnóstico laboratorial rápido é uma ferramenta importante para direcionar o controle de surtos por NoV pela escolha de práticas de intervenção e controle apropriados, tais como protocolos de limpeza e desinfecção, isolamento/exclusão, agrupamento de pacientes baseado nos sintomas, até fechamento de estabelecimentos.

A ECO Diagnóstica disponibiliza em seu portfólio o teste imunocromatográfico para detecção qualitativa de antígenos de genogrupos I e II de norovírus em amostras de fezes humanas.

O teste libera resultado em 10 minutos com sensibilidade e especificidade de 99,99%.

O kit possui o tubo de coleta de amostra individual com tampão extrator, o que facilita a coleta e manuseio da amostra, é de apresentação em cassete e não precisa de preparo da amostra.

Produto já registrado na Anvisa, número 80954880037.

Referências:

Morillo AG, Timenetsky MCST, Norovírus: uma visão geral. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ramb/v57n4/v57n4a23.pdf

Parashar UD, Gibson CJ, Breese JS, Glass RI. Rotavirus and severe childhood diarrhea. Emerg Infect Dis 2006;12:304-6.  

World Health Organization. WHO. State of the art of new vaccines: research and development. 2005. p.1-13: Diarrhoeal diseases. Available from: http://www.who.int/vaccine_research/documents/ Dip%20814.pdf.

Fumian TM, Andrade JSR, Leite JPG, Miagostovich. Norovirus Recombinant Strains Isolated from Gastroenteritis Outbreaks in Southern Brazil, 2004–2011. Disponível em: http://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0145391

Tags:

diagnóstico laboratorial rápido, doença gastrointestinal, ECO Diagnóstica, norovírus

Compartilhe: