rochenews_03_digital-(1)

O equipamento Ventana HE 600 foi aprovado recentemente pela Anvisa

Pesquisas apontam que, em menos de 15 anos, o câncer será a primeira causa de morte no Brasil, superando o acidente vascular cerebral (AVC) e o infarto do miocárdio. Preocupada com esse cenário, a Divisão de Oncologia da Roche Diagnóstica tem desenvolvido soluções para auxiliar o diagnóstico precoce da doença.

A grande inovação no mercado é o equipamento Ventana HE 600, aprovado recentemente pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De acordo com a Gerente de Produto de Oncologia, Mariana Vitule, o processo de coloração hematoxilina-eosina é a principal técnica de coloração de tecidos em histologia. A partir de uma plataforma totalmente automatizada, o Ventana HE 600 realiza testes com coloração individual de lâminas, reduzindo o risco de contaminação cruzada no diagnóstico de tecidos.

O sistema proporciona melhora na qualidade, fluxo de trabalho e segurança, permitindo níveis elevados de eficiência aos laboratórios de anatomia patológica. “Até 80% dos casos de câncer são diagnosticados pela coloração H&E. O equipamento proporciona melhora na qualidade e  padronização dessa coloração e no fluxo de trabalho do laboratório”, comenta Mariana.

Outra vantagem do equipamento é eliminar o uso de xilol e álcool, reagentes nocivos aos profissionais que manipulam as lâminas e ao meio ambiente. “O lançamento é um orgulho para a Roche Diagnóstica, pois ele foi projetado para melhorar a prática da medicina.”

Este e outros artigos você encontra na última edição da revista Roche News. Basta clicar na imagem abaixo:

CAPArochenews_03_digital

Tags:

anatomia patológica, câncer, diagnóstico precoce, Roche, Ventana HE 600

Compartilhe: